Curiosidades

Propriedades Terapêuticas das Frutas

Saiba por que as frutas presentes nos sucos tutty citrus são fundamentais para uma alimentação saudável e devem ser consumidas diariamente. Estes alimentos fornecem vitaminas, minerais (potássio, zinco, cálcio, magnésio, etc.), diferentes fibras alimentares, compostos protetores (flavonóides) que ajudam a regular o organismo. Os antioxidantes (vitaminas A, C e E) são nutrientes essenciais na proteção das células, já que combatem a ação dos radicais livres.
Em conjunto, estes nutrientes têm propriedades protetoras que fazem da fruta um alimento essencial.

  • Abacaxi

    O abacaxi é um fruto-símbolo de regiões tropicais e subtropicais, de grande aceitação em todo o mundo, quer ao natural, quer industrializado: agrada aos olhos, ao paladar e ao olfato. Por essas razões e por ter uma "coroa", cabe-lhe por vezes o cognome de "rei dos frutos", que lhe foi dado, logo após seu descobrimento, pelos portugueses.

    No Brasil, a variedade mais plantada é a Pérola (conhecida no exterior como do grupo Pernambuco), que produz fruto de polpa amarelo-pálida, quase branca, de sabor bastante doce e de baixa acidez; as folhas têm as margens armadas de espinhos.

    O abacaxi é considerado o símbolo da hospitalidade. Para os povos antigos, colocar um abacaxi do lado de fora das casas é sinal de que visitantes são bem vindos.

  • Acerola

    A acerola possui um sabor levemente ácido e o perfume é semelhante ao da maçã. Possui vitaminas A, B1 (tiamina), B2 (riboflavina), B3 (niacina), cálcio, fósforo, ferro e, principalmente, vitamina C, que, em algumas variedades, chega a estar presente em até 5 gramas por 100 gramas de polpa. Este valor chega a ser oitenta vezes superior ao da laranja e ao do limão.

    A acerola é recomendada no combate a gripes, resfriados, tuberculoses pulmonares, diabetes, disfunções do fígado, cicatrizações difíceis e disenterias.Por ser uma planta muito rústica e resistente, ela se espalhou facilmente por várias áreas tropicais, subtropicais e até semiáridas. Existem mais de 42 variedades de acerola que são cultivadas no Brasil.

    As principais são: Apodi, Cabocla, Cereja, Frutacor, Okinawa, Olivier. Roxinha, Rubra e Sertaneja.

  • Caju

    O cajú é fruto nativo do Brasil e foi levado pelos portugueses do Brasil para a Ásia e a África. Muito antes do descobrimento do Brasil e antes da chegada dos portugueses, o caju já era alimento básico das populações autóctones. O caju é rico em vitamina A, B1 (Tiamina) B2 (Riboflavina) B3 (Niacina) Vitamina C e alguns minerais como o cálcio, cobre ferro, fosforo e alem de fibras e aminoácidos.

    O suco de caju refrescante e delicioso é ideal para o verão. Rico em vitaminas e sais minerais, é indicado nos caso de tratamentos de anemia, previne problema de catarata e ainda ajuda fortalecer os ossos, sem contar que é um poderoso antioxidante.

    Do caju aproveita-se tudo. A própria polpa do caju é indicado nos casos de problemas reumáticos, problemas de pele e também um depurativo e um tónico.

  • Goiaba

    A goiaba é conhecida por ter muita vitamina C, se for vermelha apresenta níveis dessa vitamina de 4 a 5 vezes superiores aos da laranja, possui quantidades razoáveis de vitaminas A e do complexo B, além de sais minerais, como cálcio, fósforo e ferro.

    São muito ricas em vitamina C, com de 180 a 300 miligramas de vitamina por 100 gramas de fruta (mais do que a laranja ou o limão).

    A goiaba não é ácida e, assim, pode substituir o tomate na confecção de molhos salgados e agridoces, mas sobretudo para pessoas com restrições à acidez deste último. De um modo geral, não tem muito açúcar e quase nenhuma gordura, sendo indicada para qualquer tipo de dieta e, de preferência, deve ser comida crua. É contra-indicada apenas para pessoas que tenham o aparelho digestivo delicado ou com problemas intestinais.

  • Laranja

    A laranja é muito conhecida por ser fonte de vitamina C. A vitamina C é o nutriente mais importante da laranja. Duas laranjas por dia fornecem a quantidade de vitamina C de que o organismo precisa. O seu consumo está associado a redução do risco de doenças crônicas, principalmente cardiovasculares. Mas além da vitamina C, há duas vitaminas do complexo B (folato ou ácido fólico e tiamina), beta-caroteno, fibras, potássio e flavonóides, o que garante inúmeros benefícios a saúde.

    A laranja é um fruto híbrido, criado na antiguidade a partir do cruzamento do pomelo com a tangerina. O sabor da laranja varia do doce ao levemente ácido.

    A cor de laranja encontra-se ligada ao fruto do mesmo nome, e em tempos antigos eram ambos considerados exóticos. Em diversas culturas e línguas o nome deste fruto adquire singularidade própria ao ponto de não haver palavras que rimem bem com ele.

  • Limão

    O limão foi trazido da Pérsia pelos conquistadores árabes, disseminou-se na Europa. As suas aplicações na vida doméstica são inúmeras. Com o suco da fruta, preparam-se refrigerantes, sorvetes, molhos e aperitivos, bem como remédios, xaropes e produtos de limpeza. Da casca, retira-se uma essência aromática usada em perfumaria e no preparo de licores e sabões.

    Em Fitoterapia, é utilizado para diversas patologias, tais como gota, artrite e pedra nos rins, reumático, infecções e febres, aterosclerose, combate ateromas (remove placas gordurosas das artérias), constipações, gripes, dores de garganta, tosse, acidez gástrica e úrica (alcaliniza o sangue, portanto, benéfico principalmente para quem ingere muitas carnes e proteínas em geral, produzindo excesso de resíduos ácidos).

  • Manga

    A manga além de excelente fonte de beta-caroteno e vitamina C, fornece também vitamina E e niacina. Com alto teor de ferro e potássio, ela é saudável por ter um baixo teor de calorias e alto teor de fibras. Uma manga fresca contém cerca de 15% de açúcar, até 1% de proteína e quantidades significativas de vitaminas, minerais e anti-oxidantes, podendo conter vitamina A, vitamina B e vitamina C.

    Graças à alta quantidade de ferro que contém, a manga é indicada para tratamentos de anemia e é benéfica para as mulheres grávidas e em períodos de menstruação. Pessoas que sofrem de cãimbras, stress e problemas cardíacos, podem se beneficiar das altas concentrações de potássio e magnésio existentes que também auxiliam àqueles que sofrem de acidose.

    Também há relatos de que as mangas suavizam os intestinos, tornando mais fácil a digestão. Podem ser cultivadas em climas tropicais e subtropicais. Devem ser plantadas em uma área com boa drenagem e um solo ligeiramente ácido.

  • Maracujá

    O maracujá é fonte de vitaminas A, C e do complexo B. Além disso, apresenta boa quantidade de sais minerais (ferro, sódio, cálcio e fósforo).

    O Brasil é o maior produtor mundial de maracujá. O maracujá de uso comercial é redondo ou ovóide, amarelo ou púrpura-escuro quando está maduro, e tem uma grande quantidade de sementes no seu interior.

    O fruto é utilizado especialmente para produzir suco ou polpa de maracujá, às vezes misturada a suco de outros frutos, como a laranja. Acredita-se que o fruto possua propriedades calmantes.

  • Morango

    O morango é rico em vitamina C e, por isso, o consumo da fruta evita a fragilidade dos ossos e a má formação dos dentes. Ele também dá resistência aos tecidos, age contra infecções, ajuda a cicatrizar ferimentos e evita hemorragias.

    O morango também possui, em menor quantidade, vitamina B5, conhecida como niacina. Ela tem a função de evitar problemas de pele, do aparelho digestivo e do sistema nervoso. Na fruta, também é encontrado ferro, que faz parte da formação do sangue.

    Existem mais de 20 espécies do género Fragaria que recebem a designação comum de morangueiro, com ampla distribuição nas zonas temperadas e sub-tropicais.

  • Pêssego

    O pêssego é uma fruta originada da China que tem um valor nutritivo de vitaminas muito grande. O pêssego é rico em vitamina C e pró-vitamina A. É também uma fruta com boa quantidade de fibras, pois a cada 100 gramas de pêssego, encontra-se 1,5 gramas de fibras.

    O pêssego também apresenta boas quantidades de oligoelementos, tais como: potássio, ferro, fósforo, magnésio, zinco e cálcio. O pêssego é uma fruta muito suculenta, pois quase 90% de seu peso é composto por água. Além das vitaminas C e A, o pêssego também apresenta vitaminas do Complexo B (B1, B2, B3, B5, B6, B9 e B12), além das vitaminas K e E.

  • Tangerina

    A tangerina, também mandarina, laranja-cravo, mimosa, vergamota, bergamota ou mexerica, é uma fruta cítrica de cor alaranjada e sabor adocicado, originária da Ásia (Índia, China e países vizinhos de clima sub-tropical e tropical úmido).

    O valor nutritivo do suco ou da polpa varia conforme a espécie, mas é sempre boa fonte de vitaminas A e C e sais minerais como potássio, cálcio e fósforo. A vitamina C é essencial para o sistema imunológico. A vitamina A é indispensável para a saúde dos olhos e da pele e aumenta a resistência às infecções. As vitaminas do complexo B fortificam os nervos.

    A tangerina é considerada grande fonte de magnésio. O ser humano precisa de magnésio, apresentando maior concentração desse mineral nos ossos e músculos. Ele tem papel importante na síntese das proteínas, na contratilidade muscular e na excitabilidade dos nervos.

  • Uva

    A uva é o fruto da videira, uma planta da família das Vitaceae. É utilizada frequentemente para produzir sumo, doce (geléia), vinho e passas, podendo também ser consumida crua.

    Originária do árido Cáucaso, na Ásia, a uva é uma das frutas mais antigas utilizadas na alimentação humana e a sua produção se espalha por todo o mundo. Sua origem vem de 6.000 AC.

    É rica em carboidratos, mas também apresenta pequenas quantidades de vitaminas do complexo B e vitamina C.

    Fornece boas doses de minerais como potássio, cálcio, fósforo, magnésio, cobre e iodo.
    Está presente na uva 20 antioxidantes (especificamente na casca da espécie roxa ou rosada - as uvas brancas e verdes não contêm as mesmas substâncias) eles agem em sinergia para combater os radicais livres que favorecem o surgimento de doenças e o envelhecimento precoce. O suco repara as células do corpo e ajuda a prolongar a juventude da pele. Favorece as funções hepáticas (do fígado) e é um valioso estimulante digestivo. Acelera o metabolismo, reduzindo o ácido úrico (substância produzida pelo organismo e que causa fadiga). Por ser alcalinizante (combate a acidez sanguínea), é indicado para pessoas que consomem carne em excesso. Fortalece o sistema imunológico, já que possui ativos com poder anti-inflamatório e antimicrobiano.

Propriedades Terapêuticas das Frutas | Inter Brasil Alimentos
WebFormas - Agência de Marketing Digital em São Paulo